Unifesp, Ufam E UEA Inscrevem Pra Vagas De Mestrado E D

19 Mar 2019 22:47
Tags

Back to list of posts

marketing1.jpg

<h1>Brasileiro Gastou R$ 8.000 E N&atilde;o Conseguiu Fazer Mestrado</h1>

<p>Rio - O atraso salarial da C&acirc;mara Municipal do Rio vai se arrastar at&eacute; semana que vem. De acordo com os dados da Moradia, n&atilde;o h&aacute; ainda previs&atilde;o de uma data da pr&oacute;xima semana para o sal&aacute;rio ser pago. Ainda nesta semana, acreditava-se que o cr&eacute;dito sa&iacute;sse at&eacute; hoje, o que acabou n&atilde;o acontecendo. A respeito da primeira cota do d&eacute;cimo terceiro de 2018, a equipe do Legislativo, perto com o Proderj, conseguiu gerar a folha por ser mais f&aacute;cil sem incid&ecirc;ncia de Imposto de Renda e contribui&ccedil;&atilde;o previdenci&aacute;ria. Neste momento pela Prefeitura do Rio, o sal&aacute;rio de junho dos ativos, aposentados e pensionistas ser&aacute; quitado hoje, que &eacute; o quinto dia ben&eacute;fico e tempo de pagamento do pessoal do Executivo.</p>

<p>Pelo segundo m&ecirc;s consecutivo, o governo municipal n&atilde;o conseguiu antecipar os dep&oacute;sitos. De janeiro a maio deste ano, os pagamentos foram feitos antes da data estipulada no calend&aacute;rio oficial. Ap&oacute;s longa espera dos policiais civis e uma a&ccedil;&atilde;o de cobran&ccedil;a pela Justi&ccedil;a, o governo estadual paga, hoje, o Regime Adicional de Servi&ccedil;o (RAS) de 3.391 integrantes da Pol&iacute;cia Civil.</p>

<p>3,575 milh&otilde;es, referentes a maio de 2018 e a outros per&iacute;odos pendentes. http://www.caringbridge.org/search?q=negocios o valor quite todos os d&eacute;bitos. 23 milh&otilde;es pra liquidar o Proeis e o RAS da PM. Pela ocasi&atilde;o, o governo assim como informou que estava zerando as d&iacute;vidas de horas extras com os agentes da Pol&iacute;cia Civil. A ordem, entretanto, negou a quita&ccedil;&atilde;o do d&eacute;bito, e a coliga&ccedil;&atilde;o e sindicato dos policiais civis (Colpol e Sindpol) entraram com a&ccedil;&atilde;o no TJ-RJ para cobrar o pagamento. Diante das informa&ccedil;&otilde;es desencontradas, os policiais preferem esperar o dep&oacute;sito de hoje.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License